Clube de leitura
Porque ler é um prazer que deve ser partilhado
03 de Fevereiro de 2010

 

Rosa Lobato de Faria, escritora e actriz, faleceu ontem aos 77 anos.

  

Desta escritora, li, ou melhor, devorei dois livros. Gostei muito de ambos.

São livros que se leêm bem, de uma escrita fuida e leve.

 

Quando os comprei, ainda não tinha lido nenhum livro da Rosa Lobato de Faria. Como considero que ler apenas um romance de um determinado autor, é pouco para ter uma ideia do tipo de escrita deste, tenho por hábito comprar sempre no mínimo dois.

Confesso que não voltei a comprar mais nenhum, mas tenciono fazê-lo, pois gostei muito da fluidez da escrita.

 

As Esquinas do Tempo

 

Sinopse

 

 

"Quando Margarida chegou à Casa da Azenha teve aquela sensação, não desconhecida mas sempre inquietante, de já ter estado ali."

Margarida é uma jovem professora de Matemática. Um dia vai a Vila Real proferir uma palestra e fica hospedada num turismo de habitação, casa antiga muitíssimo bem conservada e onde, no seu quarto, está dependurado o retrato a óleo de um homem que se parece muito com Miguel, a sua recente paixão.
Por um inexplicável mistério, na manhã seguinte Margarida acorda cem anos atrás, no seio da sua antiga família.
Sem perder consciência de quem é, ela odeia esta partida do tempo. Mas aos poucos vai-se adaptando. Conhece o homem do quadro e apaixona-se por ele. Quando ele morre num acidente, Margarida regressa ao presente.

 

Uma história apaixonante onde a imaginação ultrapassa todos os limites.

 

 

A Alma Trocada

 

Sinopse

 

É um lugar comum dizer-se que determinada orientação sexual não é uma escolha, porque, se fosse, ninguém escolheria o caminho mais difícil. Foi esse caminho mais difícil que Teófilo teve de percorrer, desde a incompatibilidade com os pais, aos desencontros dentro de si próprio, chegando mesmo a acreditar que alguém lhe tinha trocado a alma...
Rosa Lobato de Faria aborda, desta vez, um tema diferente - o tema da homossexualidade masculina -, num romance que, mantendo embora o tom poético que sempre tem caracterizado as criações da autora, se arrisca por caminhos até aqui pouco explorados na ficção portuguesa.

 

 

Uma história actual, talvez um pouco fantasista ou simplista, sobre a homossexualidade, de leitura fácil e agradável.

 

 

publicado por Abigai às 08:43 link do post
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
posts recentes

Rosa Lobato de Faria

Posts mais comentados
2 comentários
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Um dos melhores livros :)
Ainda bem que gostou Fenix! Aconteceu o mesmo comi...
Também adorei só consegui para no fim quanto mais ...
Já li e adorei! Excelente livro como aliás todos o...
Saudações a todos. Venho sugerir as capas para liv...
É sem dúvida um excelente livro, ficamos presas do...
Deve ser um excelente livro!
Vergílio Ferreira é isso mesmo; VF é literatura pu...
Por aqui é fácil, basta procurar na Bertrand ou Fn...
Achei o livro excelente. Como sempre, José Rodrigu...
blogs SAPO