Clube de leitura
Porque ler é um prazer que deve ser partilhado
12 de Abril de 2011

Tudo o que ele sempre quis - Anita Shreve

 

Desde que li Luz na Neve, fiquei mais ou menos viciado nos livros da Anita Shreve, livros bem escritos, com historias envolventes e enredos atraentes. Normalmente historias de amor, historias de mulheres apaixonadas que tem que enfrentar a vida e o mundo para poderem ser felizes.

 

Este Tudo o que sempre quis  é um livro diferente, não deixa de ter uma historia de amor, mas neste caso a historia não se centra directamente numa mulher. Este livro foi escrito à volta de decisões, um homem conhece uma mulher que o arrebata mas que não se deixa arrebatar, ele acredita no seu amor, na sua capacidade de amar, e decide que é a ela que quer amar. Ela, já não acredita no amor e decide viver a vida fechada no seu mundo, sem dar e sem receber.

 

Mais que uma historia de amor, é a historia de uma vida,  uma historia contada na primeira pessoa por alguém que decidiu amar e nunca foi amado. 

 

Sipnose

 

Sinopse: Um casamento junta sempre duas histórias, dois passados. Esta constatação é talvez tardia para o marido de Etna: um homem cuja obsessão com a sua jovem mulher tem início no momento em que se conhecem – e em que ele a ajuda a escapar a um incêndio - e culmina numa união ensombrada por segredos, traição e pelo fogo avassalador de uma paixão não correspondida.Ao académico Nicholas Van Tassel bastou ver Etna Bliss uma única vez para saber que chegara o momento de abandonar a sua condição de solteirão inveterado. Mas a frieza física e emocional com que é brindado é um prenúncio de tragédia: Etna deseja liberdade e independência, Nicholas quer a jovem exclusivamente para si… E quando descobre que, ainda que tivesse conseguido casar com ela, não teria chegado sequer a conquistá-la, vai ser o lado mais sombrio da sua personalidade a decidir o que fazer a seguir.Escrito com a inteligência e a graça que são já habituais na autora, Tudo o que Ele Sempre Quis é uma arrepiante história sobre desejo, ciúme, perda e os perigos que o fogo – o figurativo e o literal – sempre arrasta consigo.

 

Jorge Soares

Post do: O que é o jantar?

publicado por Jorge Soares às 22:13 link do post

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
subscrever feeds
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Nunca li mas a história cativou. Li outros posts. ...
Huum vou procurara gora na Feira do livro.
ola,sou brasileira e foi por acaso que encontrei O...
Também eu gosto muito de Le petit Prince. Sinto in...
Um dos melhores livros :)
Ainda bem que gostou Fenix! Aconteceu o mesmo comi...
Também adorei só consegui para no fim quanto mais ...
Já li e adorei! Excelente livro como aliás todos o...
Saudações a todos. Venho sugerir as capas para liv...
É sem dúvida um excelente livro, ficamos presas do...
blogs SAPO