Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Clube de leitura

Porque ler é um prazer que deve ser partilhado

Clube de leitura

Porque ler é um prazer que deve ser partilhado

Isabel Allende:Inês da minha Alma

18.10.09, Jorge Soares

Inês da minha alma, Isabel AllendeTenho um gosto especial pelos escritores da literatura fantástica latino-americana, Vargas Llosa, Garcia Marquez, Romulo Gallegos, e especialmente Isabel Allende, já li várias vezes o A casa dos espíritos, duas vezes o Paula e todos os outros livros da autora a que consegui deitar a mão.

 

Inês da minha alma é  um  livro fantástico. Conta a história de Ines Suarez, uma costureira da Estremadura Espanhola que parte para a América da conquista à procura do seu marido e para escapar à vida claustrofóbica da sua terra.

 

Esta mulher simples e humilde termina sendo uma das  conquistadoras do Chile, heroína das guerras da conquista do continente aos ferozes índios e exemplo da importância das mulheres na conquista e povoamento da América do Sul.

 

Como a maioria dos livros de Isabel Allende, este consegue misturar de uma forma mágica, o fantástico com o real, o misticismo religioso dos conquistadores/invasores Espanhois com a espiritualidade quase pagã herdada das culturas milenares pré-colombinas que já existiam muito antes do suposto nascimento de Cristo e uma história de amor com a história de um país e de um continente.

 

Tenho uma enorme proximidade com o castelhano e gosto de ler os autores latinoamericanos nesse idioma, este não foi a excepção.

 

"Supongo que pondrán estatuas de mi persona en las plazas, y habrá calles y ciudades con mi nombre, como las habrá de Pedro De Valdivia y otros conquistadores, pero de cientos de esforzadas mujeres que fundaron los pueblos, mientras sus hombres peleaban, serán olvidadas".

 

Imagem reirada da internet.

 Post publicado inicialmente no blog:O que é o jantar?

Jorge Soares

5 comentários

Comentar post