Clube de leitura
Porque ler é um prazer que deve ser partilhado
20 de Outubro de 2009

foi o título escolhido por Nuno Lobo Antunes para a sua última obra.

 

Julgando pela sinopse , o livro prometia uma leitura agradável e entusiasmante: "Sinto muito" é sobre o sofrimento em geral, sobre a dor, seguida de perda, seguida de dor. Entristece o coração, mas recompensa-o grandemente, tornando-o mais leve e melhor. 
 

Prometia disse eu, mas a meu ver, ficou-se por um objectivo a atingir. Comecei a ler com alguma curiosidade, mas à medida que os episódios iam passando e o número de páginas lidas aumentava, andava já a correr atrás de uma narrativa empolgante e cativante tal como o fogo consome ferozmente o rastilho, de forma insaciável, até atingir o explosivo. Atingi o auge da leitura  apenas com o relato quase fotográfico de dois casos clínicos. Pelo meio encontrei alguns malabarismos interessantes com as palavras que não me souberam a mais do que à bolachinha a meio da manhã. 

Por isso, sou eu quem diz "Sinto muito"! O livro não vale, para mim, os euros que paguei por ele. Não tenho o coração mais leve, muito menos melhor. Sinto muito, mas vou dispensar os seus serviços, Sr. Dr. NLA !"

 

postado no Miss G e adaptado para o Clube de Leitura

publicado por Miss G às 15:22 link do post
Assisti a uma entrevista na época da apresentação do livro. Fui tentada e comprei. Não vou dizer que detestei porque gosto de ler. No entanto, a imagem que passou não corresponde ao conteúdo do livro.
O livro fica pelo relato do seu percurso pessoal. Alguns pensamentos curiosos e até humorísticos. Aborda a luta que paciente, familiares e médico travam diariamente com a doença.
Em cada capítulo parece prometer um pouco mais, parece que vai desvendar relatos e emoções que desconhecemos, no entanto…
Fiquei com a sensação que o livro serviu de terapia a medos, dúvidas e fantasmas que algumas vezes o devem assaltar.
Pensei encontrar mais. Estava à espera de muito mais.
Não "Sinto muito"! Mas lamento um pouco, até porque gostei do ser humano que esteve na entrevista.
DyDa/Flordeliz a 21 de Outubro de 2009 às 12:01
Também eu gosto de ler, mas isso não erradica o meu senso crítico quanto aos livros que acolho. Daí que dada a promoção que o livro teve, esperava mais.
Ressalvo mais uma vez que reconheço o devido valor da obra: cheguei a emocionar-me com algumas daquelas histórias e a forma que NLA utilizou para as transmitir.

No entanto, tenho de lhe relembrar que este post é nada mais, nada menos, que a minha opinião. Por isto, por ter lido o Sinto Muito há já algum tempo e não querendo, nunca, ser injusta para com a obra e autor, indiquei um link (e excerto) para a sinopse do Sinto Muito.

Boas leituras!
Miss G a 21 de Outubro de 2009 às 13:54
"a imagem que passou" eu referia-me a NLA.
A opinião da "Miss G" vai de encontro ao que senti quando terminei o livro.
Portanto: Estamos de acordo!
Óptmo flor de liz !
Confesso que fiquei na dúvida se se referia a mim ou ao NLA , de modo que quis deixar logo tudo muito claro.
Miss G a 21 de Outubro de 2009 às 14:19
Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
17
19
23
24
27
29
30
31
Posts mais comentados
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Nunca li mas a história cativou. Li outros posts. ...
Huum vou procurara gora na Feira do livro.
ola,sou brasileira e foi por acaso que encontrei O...
Também eu gosto muito de Le petit Prince. Sinto in...
Um dos melhores livros :)
Ainda bem que gostou Fenix! Aconteceu o mesmo comi...
Também adorei só consegui para no fim quanto mais ...
Já li e adorei! Excelente livro como aliás todos o...
Saudações a todos. Venho sugerir as capas para liv...
É sem dúvida um excelente livro, ficamos presas do...
blogs SAPO